DiversosCrônica da amizade

CRONICA DA AMIZADE

Feliz aquele que compreende o valor da amizade.

É nela que encontra-se uma parte da vida, uma franquia da felicidade e um empréstimo, sem cobranças, de sinceridade, respeito e reciprocidade.

Feliz aquele conquista o próximo com o olhar.

De transmitir seus sentimentos em um sorriso, de apaziguar a discórdia com as palavras, de ouvir, falar e acolher com paciência e humildade.

Feliz aquele que possui um amigo.

É com ele que aprende-se o real significado da vida. Aprende-se a ser e transmitir, a conquistar e caminhar, e acima de tudo, aprende-se a sonhar.

Dignos da felicidade são aqueles que conquistam a amizade.

É encontrada na jornada da que todos percorrem. Preserve-a sob seus braços. Inestimável é seu valor.

Feliz aquele que regenera seus dias com a presença de um amigo.

Possui segurança na tormenta, conselho na incerteza, admiração na simplicidade.

E sempre, por maior que seja o tempo, conta com a presença daquele que tanto respeita e tem a honra de chamar de amigo.

Bruno Raphael da Cunha Dobicz